terça-feira, 26 de março de 2013

DESMASCARANDO O INIMIGO

     Aula a ser ministrada em 07 de abril de 2013, por Alexandre Vilmar, membro do Conselho de Ensino da ORLASG.



     Nossa eficácia na luta contra as trevas também está relacionada com o conhecimento que temos do adversário.  Em Oséias 4.6, o Senhor denuncia: “O meu povo foi destruído porque lhe faltou o conhecimento”.  Por isso, neste capítulo vamos considerar alguns aspectos relacionados com a identidade, os métodos, os propósitos e as estratégias do maligno, segundo ensinam as Sagradas Escrituras.
   Identificando as Hostes Inimigas
     Não acredito que seja de importância fundamental identificar precisamente as entidades tempo procurando a identidade dos personagens satânicos, discernir suas funções específicas e a hierarquia estabelecida entre eles é dispensável e acaba dando muito cartaz para o inimigo.  O que pretendo afirmar é que a falta de conhecimento de nomes de entidades espirituais malignas, da hierarquia do reino das trevas e das funções exercidas por cada uma dessas entidades, não inviabiliza a ação eficaz do cristão contra essas mesmas entidades.
     O critério é o seguinte: preciso conhecer o quanto possível tudo o que a Bíblia ensina, inclusive sobre o reino das trevas.  E, isto me basta para ser eficiente na luta contra o mal. Todo conhecimento extra-bíblico é dispensável, e até mesmo questionável.  As fontes para o conhecimento extra-bíblico sobre esta matéria são duvidosas e não merecem confiança.  Portanto, fiquemos com o que a Bíblia ensina.
     Sabemos pela Palavra de Deus que no reino das trevas há espíritos malignos, demônios, anjos decaídos, principados, potestades, dominadores e forças espirituais da maldade.
     O perfil do Inimigo
     Por outro lado, creio ser importante discernir o perfil do inimigo, até para identificar seus métodos e sutilezas.  Ele é mentiroso e pai da mentira (João 8.44); dissimulador, imitador das coisas de Deus, sendo capaz até de transmutar-se em anjo de luz para confundir os incautos (II Coríntios 11.13-15); usurpador que de forma contumaz procura se apropriar daquilo que não lhe pertence; destruidor de vidas, famílias e de tudo que é bom e precioso (João 10.10; Apocalipse 9.11); acusador (Apocalipse 12.10; Zacarias 3.1-5); legalista e cobrador cruel; zombeteiro e debochado.
     Os propósitos do Inimigo
     Outra compreensão importante é a respeito dos propósitos do inimigo.  Ele é profissional em gerar dúvidas e levantar questionamentos sobre nossa vida espiritual (Mateus 4.3).  Ele procura promover divisões no meio da igreja e enfraquecer o exército do Senhor (Romanos 16.17-20; II Coríntios 2.5-11).
     Ele está sempre procurando envergonhar a igreja e promover escândalos de modo que o povo de Deus perca a autoridade da qual necessita para o seu testemunho no mundo.
     Outro propósito do maligno é atrasar o avanço do Reino de Deus na terra.
     Ele Busca ainda, desanimar os discípulos de Jesus, desmotivar os missionários e causar esmorecimento e decepção de diversas formas.
     Ainda, o inimigo procura causar confusão, engano, dissimulação e promover a mentira e a hipocrisia.
     Mais ainda, o inimigo faz tudo para frustrar a frutificação da igreja, da obra missionária e da evangelização.
     Além disso, o inimigo está sempre tentando neutralizar o poder de Deus, imitar as obras do Senhor e opor-se imitando aquilo que Deus faz, procurando gerar na mente e no coração das pessoas confusão sobre o que seja ou não autêntico (Êxodo 7.1-13).
     O inimigo quer usurpar espaços na mente e no coração das pessoas, na família e na sociedade.  Desde que alguém abra especo ou deixe brechas, o inimigo os aproveitará.  A partir daí ele reivindica o direito de ali permanecer.  Assim ele domina vidas, famílias e comunidades.
     Satanás forma preconceitos e os estabelece como verdades na sociedade, tradicionalizando enganos e mentiras.
     O diabo faz de tudo para frustrar as conquistas da igreja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se à vontade... Não tenho restrições quanto às criticas, entretanto faça com educação e respeito!!!